Recém Nascidos

Comportamento de um bebê de um mês

Desenvolvimento

 

Como o tempo passa rápido, não é? Seu bebê já tem um mês de vida e a cada dia você fica mais impressionada com as pequenas conquistas dele. Uma das coisas que mais surpreenderão a você é a capacidade dele de reconhecer sua voz ou a do pai, bem como seus aromas. Embora esteja dormido, ele poderá escutar e sentir sua presença de um quarto para o outro.

Mas este não é único avanço que poderá reconhecer. Outro tipo de coisa que ele começará a fazer é que, ao olhar o rosto dos pais e seus gestos, movimenta a boca como se quisesse conversar. Quando estiver de bruços (sempre com supervisão de um adulto) ou em braços de forma vertical, pode levantar levemente a cabeça. Ao avançar o mês, poderá alçá-la entre 45 e 90 graus. Ao nascer, os bebês possuem uma visão fixa a uma distância focal de 20 e 25 cm. Depois desse mês, ele poderá fixar a vista em um rosto, fazer um gesto e/ou sorrir. Depois de completar seu primeiro mês de vida, é possível que seu bebê reaja com susto ou chore frente a um barulho forte ou inesperado. Aos poucos, começarão os primeiros balbucios. Não serão muito claros, mas serão diferentes do choro rotineiro. Você ficará surpresa quando, de um momento para outro, ele consiga esboçar sorrisos espontâneos, inclusive em sonhos.

Para incentivar seu progresso, propomos algumas atividades:

  • No momento de falar com ele, gesticule e pronuncie com força as palavras.
  • Ao colocá-lo de bruços sobre a cama, ou em uma superfície segura, aproxime um objeto atraente a seus olhos para estimulá-lo a levantar ainda mais a cabeça. Estando de barriga para cima, pendure no teto ou no berço um objeto móvel de cores vivas para que ele possa segui-lo com os olhos.
  • Para promover um maior equilíbrio de seu corpo, sente ou coloque-o em pé sobre seus joelhos e só durante uns segundos deixe que as pernas dele sintam o peso do corpo. Mantenha-o sempre segurado.
  • Ajude-o a conhecer o corpo, sobretudo as mãos e dedos. Toque, faça massagens, brinque com ele e conte para ele o que esses membros do corpo são.
  •  

    Todos os bebês têm um ritmo de desenvolvimento diferente. Alguns gerarão mudanças mais rapidamente que outros, e vice-versa. Não sinta frustração se perceber que seu bebê não consegue fazer por completo o acima descrito. Procure não fazer comparação com outras crianças e desfrute de cada momento junto a ele.

    Também o progresso dependerá muito de seu papel como mãe e de como você o ajuda a potencializar suas habilidades. Brinque, converse e faça atividades estimulantes junto a ele. Todos os membros da família poderão participar desta grande tarefa.